segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Cartas da Burocracia

Preencha o formulário e aguarde na fila de espera:


São Paulo, 19 de novembro de 2012.

Este formulário exige atenção minuciosa
De todos que querem ler um breve poema
Escrito por um autor breve
E com palavras igualmente breves.

Com este formulário, você estará apto a ler um pequeno poema
Que poderá mudar sua vida, ou não.
Poderá abrir seus olhos
Ou ocultar sua já limitada visão.

Assine aqui: ____________________________

e aqui: __________________________

e aqui: _________________________

Para que sua ansiedade aumente junto com sua impaciência.
Dentro de alguns segundos o poema chegará a você,
Mas não abra um sorriso,
Não crie grandes expectativas,

Pois pode haver um extravio
E as palavras contidas na breve poética
Podem se perder durante o também breve percurso.

Assine aqui para seguro: _______________________

Assine aqui para uma cópia extra: ____________________


Aguarde mais um instante na fila de espera
E um outro poeta o chamará.



São Paulo, 19 de novembro de 2012


Nota do cliente:

Segundos atrás encomendei um poema
Cujo poeta é desconhecido,
Mas suas palavras famosas.

Não encontro substituto,
Não encontro atendentes
E não encontro o poema em minhas mãos.


São Paulo, 19 de novembro de 2012


Nota da Companhia:

Deve ter se perdido.
Mais sorte na próxima vez.

Assine aqui para receber mais informações sobre o poema: ______________

Assine aqui para receber outra cópia: __________________


Assine aqui para receber o formulário
Que o senhor terá de assinar
Para receber outro
E outro
E outro
E outro...


Nenhum comentário:

Postar um comentário