domingo, 16 de dezembro de 2012

Brandemburgo

Temos dificuldade em ver o fim das coisas.
Se imaginamos um suposto final,
É para que algo seja construído depois,
Mas não um vazio, um nada,
Um fim realmente...

Temos dificuldade em medir coisas muito grandes ou pequenas,
De enxergar através do que vemos
E de criarmos sem material visível.
Temos dificuldades,
Que deixam de ser dificuldades
Para se tornarem orgulho,
Aos olhos humanos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário