segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

Mente na Mente

Tenho metade de uma ideia em minha mente
E não tenho nada,
Somente o badalar dos sinos de uma igreja próxima
Chamando os crentes para clamarem suas vozes mudas.

O som estridente do metal ou ferro
Soou em mim como se fosse em meu coração ardente.
Mas não tinha nada,
Apenas metade de uma simples ideia em minha solitária vida calada.

O sino bateu mais algumas vezes enquanto minha alma saía de mim
E era carregada para longe pelo vento que soprava calmamente...
Talvez fosse o respirar de Deus
(Ou talvez estivesse querendo me privar da razão [em um verso] - para descontração)

Não sei...
Só sei que não tinha nada
E ainda não tenho...
Apenas uma ideia quebrada
E uma mente assombrada dentro de minha própria mente.


Nenhum comentário:

Postar um comentário