sábado, 16 de fevereiro de 2013

Você

Rosto

          Posto  no


Oposto

                    Disposto no
                                   
                                                            dito
Rosto

 
                   do inverso

Oposto...

2 comentários:

  1. Gostei!!! Muito interessante a forma que está organizado o poema? Fiquei curioso, quais as suas influências? Te convido a conhecer a minha poética através do meu blog absintosurrealista.wordpress.com
    abraço

    ResponderExcluir
  2. Muito obrigado!
    Então... nesse tipo de escrita meio "jogada", não tenho influências. Simplesmente resolvi brincar com as palavras e assim o faço, mas tenho influências para o que escrevo e para o que sou, sendo Edgar Allan Poe e Byron M. Hyde as que eu considero mais importantes.

    Dei uma olhada lá e na sua página no Recanto das Letras. Como sou fã do surrealismo, sou suspeito em falar, mas vc tem material de boa qualidade. Parabéns.

    Abraço!

    ResponderExcluir