quarta-feira, 24 de abril de 2013

Ao pedir ajuda

                                                                       Problemas não são analíticos.

                                               Não são diagnósticos, tampouco irrelevantes.

"Sei como é", não existe

                                             e

não há quem entenda melhor do que os que sofrem.


Problemas são semelhantes;

causas, efeitos e fortaleza diferentes.


                                                   
                                                      O ego humano mal utilizado
                                                      é a cova do indivíduo - aos olhos exteriores.

                                                     É a tentativa de curar seus males
                                                     Desabafando no desabafo de alguém.  



Pessoas compensam a dor alheia com sua própria

e apenas pioram o que se tem como malefício pessoal

- do outro, desesperado.


                                 

                                                                Problemas não são para todos.

                                   Não tão simples, muito menos elegantes.

"Mude, não é difícil", não é

              e

não há quem saiba convencer alguém

                                                      melhor do que ele mesmo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário