domingo, 13 de outubro de 2013

Poéticas

os caminhos dos quais duvidaram
seguir
ou que a si olvidaram
sem mim
são afrontas
ao desejo poético e pueril
que se estende por quase toda face
de um poema sem nexo e tino.

são rotas alternativas
aos que não compreendem a arte
e que desejam de coração
terem visto alguma coisa
nas palavras e versos
do poeta incompreendido.

o caminho é a vida,
os caminhos, poesia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário