quinta-feira, 21 de novembro de 2013

Depressão II

Vejo ninguém,
deixe-me em paz,
já não penso, não durmo, não vivo...
deixe-me sozinho!

Apague as luzes,
deixe-me em paz,
já não como, não respiro, não vivo...
deixe-me sozinho!

Tire-me do inferno de minha mente,
afaste-me... destes... pensamentos...
eles... me... consomem...
fico... lento...

Sofrendo em solidão
e saudade de outros tempos,
e inveja de tempos alheios...
sofrendo em agonia e desespero.

Vejo ninguém,
já não penso, não durmo, não vivo...
deixe-me sozinho!
Deixe-me morrer!

Nenhum comentário:

Postar um comentário