quinta-feira, 18 de setembro de 2014

Entre todas te escolhi

Entre todas te escolhi
logo na primeira vez em que te vi.
Aparentemente inocente,
docemente um coração eloquente,
o amor exalava de minhas entranhas,
e, de tuas, somente vozes estranhas.
Mas nunca te esqueci,
e já nem sei se era real o que vi.
Só que até hoje, sinto tanto...
em meio à alegria, à dor, ao pranto...
Porque entre todas te escolhi
logo na primeira...
logo na primeira vez em que te vi.

Nenhum comentário:

Postar um comentário